Elementos de ecoeficiência: Constatações teóricas e empíricas no sistema coca-cola

Autores

  • Diego Antonio Bittencourt Marconatto Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Marlon Dalmoro Universidade Federal do Rio Grande do Sul.
  • Breno Augusto Diniz Pereira Universidade Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.5020/2318-0722.15.1.%25p

Resumo

A busca pela eficiência ecológica, surgida a partir da década de 1990, transcendeu os limites de legislação governamental dentro das organizações, e passou a integrar a agenda das empresas, e vêem tentando estabelecer padrões de produção que resultem em produtos e serviços que atendam à conservação do meio ambiente. Desta forma, o estudo teve como objetivos: (i) analisar como o Sistema Coca-Cola busca maximizar a ecoeficiência de suas ações e (ii) identificar as ações desenvolvidas, em uma perspectiva de gestão ecoeficiente, por uma empresa focal pertencente ao Sistema Coca-Cola. Para isto, foi realizado um estudo de caso de natureza descritiva. Os dados foram coletados por meio de pesquisa documental no Sistema Coca-Cola e entrevistas semi-estruturadas com duas pessoas envolvidas na gestão ambiental da empresa focal. Por fim, observou-se que o sistema possui uma política ecológica bem desenvolvida que asseguram uma ecoeficiência satisfatória em todos os elementos que a formam. Contudo, observa-se que a organização ainda tem longo terreno a avançar no que tange à gestão de embalagens de durabilidade prolongada e no consumo de energia.

Biografia do Autor

Diego Antonio Bittencourt Marconatto, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Mestre em Administração pelo Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA/CCSH/ UFSM), Doutorando em Administração pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. dmarconatto@gmail.com

Marlon Dalmoro, Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Mestre em Administração pelo Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA/CCSH/UFSM), Doutorando em Administração pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. marlondalmoro@gmail.com

Breno Augusto Diniz Pereira, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Doutor em Administração pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Atualmente é professor Adjunto da Universidade Federal de Santa Maria e do Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA/CCSH/UFSM). professorbreno@terra.com.br

Downloads

Como Citar

MARCONATTO, D. A. B.; DALMORO, M.; PEREIRA, B. A. D. Elementos de ecoeficiência: Constatações teóricas e empíricas no sistema coca-cola. Revista Ciências Administrativas, [S. l.], v. 15, n. 1, 2010. DOI: 10.5020/2318-0722.15.1.%p. Disponível em: https://ojs.unifor.br/rca/article/view/511. Acesso em: 3 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos