Estratégias de aprendizagem na educação a distância entre estudantes brasileiros e portugueses

Autores

  • Daielly Melina Nassif Mantovani PPGA/MPGC - FMU
  • Adriana Backx Noronha Viana FEA-USP
  • Lucineide Bispo dos Reis Luz UNINOVE-SP
  • Luísa Cagica Carvalho Universidade Aberta de Portugal

DOI:

https://doi.org/10.5020/2318-0722.23.2.293-307

Resumo

Este trabalho tem como objetivo identificar as estratégias de aprendizagem aplicadas por estudantes do curso de Administração no ensino à distância. Para tanto, realizou-se um estudo quantitativo e descritivo por meio de um survey com duas amostras de estudantes universitários, uma composta de alunos de uma instituição de ensino privada brasileira e a segunda composta por alunos de uma instituição pública portuguesa. A escala de Estratégias de Aprendizagem foi analisada por meio da análise fatorial exploratória e obteve uma estrutura multidimensional para ambas as amostras com cinco fatores. A estrutura obtida apresentou diferenças, porém 13 dos 19 itens estudados foram agrupados em fatores equiparados. Em ambas as análises, a dimensão que possuiu a maior semelhança se refere ao processo de associar os conteúdos estudados com conhecimentos anteriores, ou experiências práticas, recebendo o maior escore em ambas as amostras. O segundo fator com maiores valores foi a estratégia de prática do conteúdo por meio da resolução de exercícios, leitura do material, ou texto, e revisão de conteúdos. A estratégia com menor escore foi a busca de ajuda e trabalho com colegas de turma, o que sugere uma oportunidade para as instituições de ensino incentivarem o desenvolvimento de atividades que criem sinergia entre os estudantes. O estudo busca contribuir para a avaliação de cursos a distância sugerindo a existência de estratégias utilizadas pelos estudantes em seu processo de aprendizagem, o que oferece subsídios ao planejamento dos cursos, sendo possível reforçar estratégias já utilizadas e incentivar novas estratégias ainda incipientes.

Downloads

Publicado

26.06.2017

Como Citar

MANTOVANI, D. M. N.; NORONHA VIANA, A. B.; LUZ, L. B. dos R.; CARVALHO, L. C. Estratégias de aprendizagem na educação a distância entre estudantes brasileiros e portugueses. Revista Ciências Administrativas, [S. l.], v. 23, n. 2, p. 293–307, 2017. DOI: 10.5020/2318-0722.23.2.293-307. Disponível em: https://ojs.unifor.br/rca/article/view/4297. Acesso em: 3 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos