VRIO: Vantagem competitiva sustentável pela organização

Autores

  • Carlos Alberto Gonçalves
  • Mariana de Freitas Coelho
  • Érika Márcia de Souza

Resumo

O artigo apresenta uma discussão teórica sobre a evolução da Visão Baseada em Recursos (RBV) proposta por Barney (1991) em direção a uma Teoria Baseada em Recursos (RBT), em 2007, e, ainda, uma proposta de uma escala para classificação do VRIO. Vários autores têm apresentado a RBV como uma teoria explicativa do desempenho superior das firmas, tendo originado da diferenciação do modelo de 1991, denominado VRIS (Valor, Raridade, Imitabilidade Imperfeita e Substituibilidade), referente a ajustes teóricos para o modelo de 2007, o qual altera o último recurso para Organização, formando o modelo VRIO.

Downloads

Publicado

03.12.2014

Como Citar

Gonçalves, C. A., Coelho, M. de F., & de Souza, Érika M. (2014). VRIO: Vantagem competitiva sustentável pela organização. Revista Ciências Administrativas, 17(3). Recuperado de https://ojs.unifor.br/rca/article/view/3294

Edição

Seção

Artigos