Como stakeholders de empresas do segmento de tintas imobiliárias percebem as práticas relacionadas à sustentabilidade preconizadas pelo modelo Triple Botton Line

Autores

  • Francisco Carlos Pimentel de Sousa Universidade de Fortaleza
  • Danielle Batista Coimbra

DOI:

https://doi.org/10.5020/gex0002

Palavras-chave:

Indústria de Tintas, Sustentabilidade, Stakeholders, Gerenciamento de resíduos

Resumo

Durante a fabricação de seus produtos, a indústria de tintas imobiliárias produz diversos tipos de resíduos sólidos danosos ao meio ambiente. Diante da crescente preocupação quanto à redução dos impactos ambientais causados por esse segmento, a pesquisa analisou a situação do setor no estado do Ceará e propôs um modelo de mensuração de sustentabilidade baseado na percepção de diversos stakeholders à luz do modelo Triple Botton Line (TBL), proposto por John Elkington em 2001.

Biografia do Autor

Francisco Carlos Pimentel de Sousa, Universidade de Fortaleza

Mestre em Administração de Empresas pela Universidade
de Fortaleza (UNIFOR), Especialista em Contabilidade
e Planejamento Tributário pela Universidade Federal
do Estado do Ceará (UFC-CE), Graduado em Ciências
Contábeis pela Universidade de Fortaleza (UNIFOR). Possui
MBA em Gestão Empresarial pela Universidade de Fortaleza
(UNIFOR). Participações em encontros internacionais: 10th
Clinton Global Initiative na Northeastern University em
Boston e, Conflict Resolution and Leadership na Columbia
University em Nova Iorque, nos EUA. Atualmente, ocupa
o cargo de Coordenador de Compras na Solar Coca-Cola.
Já exerceu atividades estratégicas na área de compras
e suprimentos em empresas de bens e consumo em um
dos maiores grupos empresariais brasileiros. Possui larga
experiência em Gestão de suprimentos e compras com
foco em resultados | Especialista em negociação comercial
em matérias-primas, no mercado de commodities, serviços,
máquinas e equipamentos.

Downloads

Publicado

01-06-2022

Como Citar

Sousa, F. C. P. de, & Coimbra, D. B. (2022). Como stakeholders de empresas do segmento de tintas imobiliárias percebem as práticas relacionadas à sustentabilidade preconizadas pelo modelo Triple Botton Line. Gestão Executiva, 1(1), 6–11. https://doi.org/10.5020/gex0002

Edição

Seção

Artigos